Relação conjugal

Pedido de divórcio das mulheres Por que mais mulheres pedem o divórcio?

Enfrentar Pedido de divórcio de mulheres Em muitos casos, pega os homens de surpresa. Apesar de todos os conflitos e divergências, você nunca pode esperar que seu cônjuge peça oficialmente o divórcio. Portanto, nessa situação, você pode se envolver com muitas perguntas e se fazer perguntas sobre as causas desse problema. Entre as razões que desempenham um papel neste caso, podemos citar a presença de conflitos graves e não resolvidos, a diminuição do limiar de tolerância, conflito com emoções e sentimentos muito desagradáveis ​​e a presença de altas pressões da comunidade e da família. Explicamos mais sobre isso no restante deste artigo, então fique conosco até o final do artigo. Clique para obter conselhos de divórcio.

Pedido de divórcio de mulheres Por que há mais pedidos de divórcio de mulheres?

Segundo as estatísticas, em nossa sociedade, o divórcio é mais frequentemente solicitado pelas mulheres. Esta questão tem origem em vários fatores, entre os quais se destacam as diferenças de gênero nos direitos sociais. Como o direito ao divórcio em nosso país pertence aos homens e é atribuído às mulheres em troca de dote, muitas pessoas usam esses direitos desiguais como ferramenta para alcançar seus desejos.

ler  Transtornos de ansiedade Tipos e sintomas de transtornos de ansiedade no dsm5

Por exemplo, ao não se divorciar, alguns homens tentam estreitar o campo para as mulheres para que elas abram mão de direitos como o dote. Por outro lado, algumas mulheres tentam pressionar o homem a pagar o dote pedindo o divórcio. Em geral, a incapacidade de pagar o dote e os problemas financeiros relacionados a ele estão entre os fatores que têm um impacto significativo na redução do número de homens que pedem o divórcio.

Clique para saber mais sobre maneiras de se preparar para o divórcio.

Pedido de divórcio de mulheres Causas e fatores de tendência das mulheres ao divórcio

Mencionamos os fatores mais importantes que levam à tendência das mulheres se separarem em nossa sociedade.

1- Enfrentando a violência familiar

O enfrentamento da violência familiar por parte dos homens é um dos fatores mais ameaçadores para a segurança das mulheres em suas vidas. A violência, seja na forma de abuso verbal ou agressão física, ameaça a saúde mental das pessoas e leva à formação de muitos transtornos de ansiedade. Nesta situação, não será fácil criar filhos. Portanto, muitas mulheres nessa situação tentam se divorciar antes do nascimento de um filho.

2- Enfrentando os danos sociais

Com o aumento do número de malefícios sociais, como o vício em drogas, a paz de muitas famílias também foi ameaçada. Especialmente com a prevalência de substâncias psicoativas e industriais entre os jovens e seu impacto no aumento da violência e comportamentos perigosos; Muitas mulheres não podem continuar a viver com um marido que tenha essa condição e, como resultado, pedem o divórcio.

3- A infidelidade conjugal é uma das causas de pedidos de divórcio por mulheres

Hoje, em nossa sociedade, a infidelidade conjugal é um dos principais motivos da tendência das pessoas ao divórcio. A traição é uma lesão emocional importante na vida emocional das pessoas. É provável que a traição tenha consequências psicológicas a longo prazo. Porque este evento tem como alvo a base do relacionamento, destruindo a confiança interpessoal. Reconstruir o relacionamento nesta situação é um processo demorado até que a mulher seja capaz de perdoar. As mulheres muitas vezes precisam de intervenções psicológicas de psicólogos para perdoar. Em muitos casos, a gravidade do dano é tão grande que as mulheres não pensam em nenhuma outra decisão além do divórcio.

ler  Aconselhamento psicológico em Yazd O endereço da melhor consulta psíquica em Yazd

4- Problemas econômicos e muitas responsabilidades na vida

Hoje, os problemas financeiros são um dos fatores mais importantes e influentes na redução da satisfação conjugal dos casais. De modo que muitas mulheres têm que trabalhar longas horas fora de casa e ao mesmo tempo assumir as responsabilidades relacionadas ao cuidado da casa e à criação dos filhos. Nesta situação, se homens e mulheres não conseguem alcançar algum tipo de equilíbrio na realização das tarefas diárias, a possibilidade de sentir-se exausta por parte da mulher e sua incapacidade de continuar vivendo aumentará em grande medida.

5- Existência de problemas emocionais e de comunicação com o cônjuge

Muitos homens subestimam as necessidades emocionais das mulheres. Isso apesar do fato de que muitas disputas conjugais estão enraizadas na falta de intimidade e não satisfazem as necessidades emocionais das mulheres. Claro, é importante notar que as necessidades emocionais não são apenas para as mulheres. No entanto, a maneira de satisfazê-lo pode ser diferente em homens e mulheres. Como resultado, é necessário que as pessoas estejam cientes das diferenças de gênero para que possam responder adequadamente às necessidades de seus cônjuges. Por exemplo, as mulheres podem depender mais de expressões verbais de afeto, enquanto os homens dão menos atenção a essa questão.

Mulheres pedindo divórcio e se arrependendo depois

Normalmente, a decisão de se divorciar acontece quando as pessoas não estão em boas condições mentais. Por exemplo, o conflito com muita raiva e ódio nos faz agir com mais pressa e tomar ações das quais nos arrependemos mais tarde. É por isso que as mulheres, em alguns casos, se arrependem de fazer isso depois de apresentar uma petição de divórcio. Para poder tomar uma decisão decisiva e correta, é necessário primeiro dar-se tempo para alcançar a estabilidade emocional e, em seguida, examinar a perspectiva à sua frente com uma visão realista. Obter ajuda de um psicólogo especializado em casal e família o ajudará a dar melhores passos nesse campo e obter mais informações sobre sua decisão.

ler  Aconselhamento matrimonial no Sistão e no Baluchistão O melhor conselheiro matrimonial no Sistão e no Baluchistão

Para receber aconselhamento sobre o pedido de divórcio da mulher, você pode entrar em contato com os principais especialistas do Centro de Aconselhamento Psicológico Mehdan Nou em 02191002360 a qualquer hora do dia.

perguntas frequentes

Não me separei do meu marido por causa dos meus filhos. Esta é uma decisão errada?

Os filhos são um dos fatores mais importantes e influentes na decisão de divórcio. No entanto, ficar juntos só beneficiará seus filhos se você puder garantir a segurança deles e resolver suas diferenças de maneira razoável. Passar a infância em um ambiente tenso e ver o conflito constante dos pais pode ter efeitos muito destrutivos nas crianças. Como resultado, não se contente em apenas continuar sua vida a qualquer custo. Se a vida de seus filhos é importante para você, você deve tentar melhorar a qualidade de seu relacionamento conjugal. Nesse sentido, consultar um psicólogo especializado em terapia de casal pode ajudá-lo em grande medida.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo