Relação conjugal

Maus tratos ao idoso abuso de idosos

Abusar dos idosos é um dos problemas que infelizmente acontece com alguns deles. Em geral, abuso refere-se a qualquer tratamento de uma pessoa idosa que lhe cause dano mental ou físico. Considerando os problemas e consequências que esta questão trará, a conscientização sobre os comportamentos que são considerados maus-tratos contra idosos, bem como as formas de preveni-los, pode ser de grande ajuda para quem está em contato com idosos de alguma forma. Por isso, neste artigo, falaremos sobre o abuso de idosos e suas diferentes dimensões. Lembre-se também de que, a qualquer momento, você pode aumentar seu conhecimento e conscientização sobre esse problema, procurando a ajuda de consultores especializados.

O que é abuso de idosos?

Abuso do idoso significa fazer ou não fazer coisas que causem dano físico ou mental ao idoso; E isso reduz a qualidade de sua vida em diferentes aspectos. Os maus-tratos aos idosos ocorrem em ambos os sexos. Mas geralmente a maioria das vítimas são mulheres idosas. Além disso, os idosos que estão mais impossibilitados de realizar sua vida diária sofrem mais assédio. O abuso de idosos pode ter diferentes tipos de danos físicos, psicológicos, financeiros e sexuais.

Tipos de abuso de idosos

Abuso físico de idosos

Como o próprio nome sugere, abuso físico de idosos refere-se a danos físicos e lesões como espancamento, tapa, queimadura, interrupção de medicamentos ou serviços de saúde, etc. Essa forma de tratar o idoso é relativamente comum. E envolve principalmente aqueles que são dependentes de outros devido à doença e incapacidade de fazer as coisas.

Idosos mentalmente abusados

Uma das formas mais comuns de expressar a violência é o abuso mental de idosos. O abuso mental de idosos geralmente inclui qualquer comportamento que cause sofrimento emocional a uma pessoa idosa. Dentre esses comportamentos, podem ser citados zombarias e humilhações, insultos verbais e não verbais, ameaças, culpabilizações, etc. Mesmo o envio de uma pessoa idosa para um lar de idosos é considerado abuso mental se for na forma de ameaças e castigos. Manter uma pessoa idosa longe de seus amigos e parentes é considerado abuso emocional.

ler  Procrastinar Vencer a procrastinação

Abuso financeiro de idosos

Um dos tipos de abuso de idosos que recentemente se tornou popular é o abuso financeiro. Nesse tipo de abuso, a pessoa fica com a totalidade ou parte dos bens do idoso para si. De facto, nesta situação, há uma pessoa que utiliza as poupanças e rendimentos do idoso; E ele não permite que ele gaste sua renda com o que ele quer.

Abuso sexual de idosos

O abuso sexual de idosos refere-se a qualquer comportamento ou ato sexual que ocorra sem o consentimento do idoso. Obrigar o idoso a realizar ou não atividade sexual, seja com violência ou sem violência, é considerado abuso ao idoso. Este tipo de abuso de idosos é mais comum entre as mulheres idosas.

Deixando o idoso sozinho Maus tratos ao idoso

Abandonar o idoso sozinho é considerado um dos tipos de maus-tratos a ele. Negligenciar os idosos, não visitá-los ou enviá-los para centros de assistência podem ser vistos como exemplos dessa questão.

Sinais de abuso de idosos

Maus tratos ao idoso ou maus-tratos ao idoso apresentam sinais que podem ser facilmente percebidos pela observação de um idoso. Dentre os sinais de maus-tratos ao idoso, podem ser citados:

  • Cessação das atividades prazerosas do idoso
  • Aparência inadequada e caótica
  • Alta irritabilidade
  • Reclusão e isolamento
  • A presença de danos físicos no corpo do idoso
  • A presença de sintomas como hematomas, queimaduras e contusões
  • Não ter artigos sanitários disponíveis
  • Condições de vida perigosas
  • Não ter acesso a propriedade ou conta bancária sem que o idoso tenha problemas financeiros
  • Estado psicológico inadequado

Motivos para maus-tratos a idosos

Caracteristicas individuais

A existência de algumas características de personalidade e individuais aumenta a possibilidade de mau comportamento com os idosos. Entre esses traços de personalidade, podemos citar coisas como dependência, má saúde física e mental, má situação financeira, problemas mentais, uso de drogas, etc.

Cuidadores inadequados Maus tratos aos idosos

Além dos próprios idosos, a saúde física e mental de seus cuidadores também tem grande impacto nos maus-tratos aos idosos. Quem vai cuidar de um idoso deve gostar muito dele; Tenha bastante paciência e também resista ao comportamento severo dos idosos. Aqueles que estão envolvidos em doenças mentais ou físicas; Se eles são viciados em drogas ou estão ocupados com seus próprios assuntos, provavelmente negligenciarão os idosos e causarão outros tipos de danos mentais e físicos.

ler  Minha família não me respeita Respeito na família

O desconhecimento das necessidades dos idosos e como lidar com elas é outro motivo para o agravo do idoso. Muitas vezes podemos não saber que nosso comportamento causa danos emocionais ao idoso. Por esse motivo, recomenda-se que aqueles que estão em contato com idosos aumentem suas informações sobre as características dessa faixa etária. Para isso, você pode obter ajuda de um consultor especializado neste campo.

Condições sociais inadequadas

Alguns fatores sociais e culturais também podem ser a base dos maus-tratos aos idosos. Por exemplo, em algumas culturas e sociedades, devido ao menor apoio social aos idosos, uma pessoa fica isolada e solitária. Além disso, as falsas crenças que existem em relação ao declínio das habilidades cognitivas e à velhice fazem com que os idosos percam muitas situações sociais. Tais questões aumentam a possibilidade de maus-tratos aos idosos.

Prevenção do abuso de idosos

Aumente suas informações

Como dissemos, uma das questões mais importantes para prevenir lesões em idosos é conhecer as características dessa faixa etária e as necessidades dos idosos. Quanto mais informações você tiver em um campo, mais controle você terá sobre o ambiente. Portanto, o primeiro passo é aprimorar seus conhecimentos lendo e consultando especialistas.

Fale com o velho

Amar e se comunicar com uma pessoa idosa é outra estratégia que você pode usar. É melhor reservar uma hora durante o dia para conversar com uma pessoa idosa. Desta forma, você obtém dois bons resultados. Primeiro, uma conexão emocional adequada é estabelecida entre vocês; E essa questão pode prevenir muitos danos mentais aos idosos e até mesmo melhorar sua saúde mental. Em segundo lugar, desta forma, você pode entender as necessidades e desejos dos idosos e prestar atenção a eles.

Monitore o comportamento dos cuidadores

Se alguém que não você vai cuidar do idoso, é melhor monitorar seu comportamento. As taxas de abuso de idosos costumam ser maiores entre os cuidadores dessas pessoas. Portanto, é melhor prestar mais atenção aos sinais de maus-tratos aos idosos que mencionamos acima. Se você sente que as condições mentais e físicas de seus idosos mudaram em relação a antes, é melhor levar esse assunto mais a sério.

seja paciente

Cuidar de idosos não é uma tarefa fácil. Muitas vezes eles são abusivos em relação aos seus esforços para ajudar. Isso é quando você poderia esperar que suas afeições fossem melhor respondidas. É por isso que recomendamos ter paciência ao lidar com os idosos; E ajuste suas expectativas. Além disso, os idosos costumam fazer as coisas em um ritmo mais lento devido às suas deficiências físicas e mentais. Ou talvez às vezes eles esqueçam o que você disse. Em tal situação, é melhor controlar suas emoções e lidar com os idosos com calma.

ler  Comprimidos de Viagra ou sildenafil - como usar, benefícios e efeitos colaterais dos comprimidos de sildenafil

Atenção à independência do idoso Maus tratos ao idoso

É verdade que seu pai ou sua mãe não têm a capacidade do passado. Mas eles ainda querem estar no comando de suas próprias vidas. Portanto, um ponto importante é respeitar sua independência. Deixar que os idosos tomem suas próprias decisões sobre seus problemas de vida; E você só estará ao lado dele como torcedor. Mesmo que o idoso não possa fazer as coisas sozinho, faça as coisas por ele do jeito que ele quiser.

Quando obter ajuda de um consultor

Se você está em um relacionamento com uma pessoa idosa, obter ajuda de conselheiros pode ser uma boa solução. Ao contrário do que muitos de nós pensamos, um psicólogo não é útil apenas quando surgem problemas. Em vez disso, eles podem ajudá-lo a alcançar uma melhor saúde mental para seu idoso. De fato, pode-se dizer que elevar a qualidade de vida dos idosos é uma das ações mais importantes dos psicólogos para esse período etário.

Além de melhorar a qualidade de vida, você também pode contar com a ajuda de um consultor especializado para resolver problemas. Doenças mentais, problemas mentais e cognitivos e abuso de idosos estão entre os problemas com os quais você precisa encontrar uma maneira de lidar. Por esse motivo, é recomendável incluir acompanhamento psicológico regular em sua agenda se você vai ter um relacionamento com uma pessoa idosa.

Para receber conselhos sobre os idosos, você pode entrar em contato com os principais especialistas do Centro de Aconselhamento Psicológico Mendan Nou a qualquer hora do dia para psicoterapia no 02191002360.

Perguntas frequentes

Receber ajuda de uma enfermeira ou morar em uma casa de repouso é considerado um exemplo de abuso contra idosos?

Essas questões não são abuso em si mesmas. Mas se isso faz com que você ignore ou abandone o idoso, são exemplos de mau comportamento.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo